Sabe aquele aparelho de telefone ou aquele micro-onda que fica perto do seu roteador? Ele, com certeza, está atrapalhando seu Wi-Fi. Com certeza, você já deve ter passado pela situação de entrar em um cômodo da sua casa e a internet ficar com um sinal mais baixo. Sabia que sua experiência de internet pode melhorar ainda mais com alguns cuidados simples dentro de casa? Por este motivo, criamos um guia com dicas para que você aproveite sua internet da melhor forma e ter uma experiência incrível com o seu Wi-Fi.


Escolha o melhor lugar para posicionar seu roteador


Para que o uso da sua rede Wi-Fi seja o mais proveitoso possível, é preciso avaliar qual é o melhor local da sua residência para deixar o roteador. O roteador funciona por ondas, ou seja, qualquer obstáculo no caminho pode interferir em seu sinal. Por esse motivo, para melhorar sua experiência na utilização da rede Wi-Fi, posicione seu roteador em um local alto, sem obstáculos. Dessa forma ele vai se expandir para baixo.


Você consegue utilizar normalmente sua rede em todos os pontos da casa? Verifique sempre a necessidade de reposicionar seu aparelho em um espaço que a rede de internet consiga alcançar todos os cômodos. Opte por colocá-lo sempre no centro do ambiente da casa que você acredita ser o local onde mais irá utilizá-lo. Evite dispor o aparelho em cima de outros eletrônicos. Jamais posicione seu roteador embaixo da mesa do computador, em armários fechados ou lugares baixos.


E tem mais: avalie a posição das antenas do seu roteador. Se você colocar as antenas cruzadas ou para baixo, o sinal não vai ser tão bom. Se você tem um aparelho com apenas uma antena, coloque ele para cima. Se seu aparelho tem duas, o certo é colocá-las em ?V?. E se o seu roteador não tem antes visíveis, faça como já falamos antes e deixe ele posicionado em um lugar alto da casa.


Avalie o desempenho da sua rede


Você sabia que os aparelhos sem fio que operam na mesma frequência do roteador podem causar interferências na sua rede de internet? A redes de Wi-Fi do seu vizinho, babá eletrônica e telefone sem fio, por exemplo, podem ser a causa do baixo desempenho da sua rede. Fique sempre de olho se seu roteador está próximo ou no caminho de algum aparelho que funciona na mesma frequência.  


Além disso, há dois motivos que podem ser verificados quando o sinal de internet está mais baixo: a distância que você está do seu aparelho e também a existência de micro-ondas, paredes, geladeiras, tevês e até espelhos, entre outros obstáculos entre você e seu roteador. Esses obstáculos causam interferências no sinal do seu Wi-Fi.

Outros aparelhos eletrônicos que funcionam na mesma frequência podem dificultar o uso da sua rede Wi-Fi.

Outros aparelhos eletrônicos que funcionam na mesma frequência podem dificultar o uso da sua rede Wi-Fi.


Utilize aparelhos com qualidade reconhecida


Opte por dispositivos mais modernos. Se você possui um celular em um modelo mais novo, ele sempre será mais eficiente e terá uma qualidade melhor de rede Wi-Fi do que um dispositivo em um modelo mais antigo, por exemplo. Olha isso: os aparelho mais modernos são compatíveis com as frequências mais rápidas, com um alcance melhor de sinal. Os aparelhos mais antigos são conseguem se adaptar a essas frequências, pois não foram desenvolvidos para isso.


Além disso, os aparelhos mais antigos não só não desempenha um bom trabalho, como também podem atrapalhar o desempenho de outros aparelhos mais novos. E mais: opte sempre por roteadores mais modernos. Eles são multicanais e reduzem os problemas de congestionamento de sinal.


Veja quantos aparelhos são usados pela sua rede


Verifique a quantidade de aparelhos que estão conectados à sua rede. Um grande número de dispositivos ligados pode prejudicar a qualidade e estabilidade da sua rede. Além disso, não é recomendado o uso de redes Wi-Fi sem senha. Elas prejudicam o funcionamento. Senhas são a garantia de que apenas pessoas autorizadas utilizem a sua rede.  


Mesmo que você tenha criado uma senha segura, pode ser que alguém tenha descoberto seu código. Por isso, é recomendável que você troque de sequência frequentemente, para evitar que pessoas oportunistas. Mais uma dica de segurança: evite que as pessoas saibam de onde vem o sinal. Não utilize nomes de rede como ?Wi-Fi do José?, por exemplo, isso pode fazer com que as pessoas tentem adivinhar sua senha conforme as informações que tem sobre você.


Instale um repetidor para aumentar o alcance do seu sinal


Se você mora em um lugar muito amplo, como uma casa de dois pisos, ou paredes muito largas, é possível que seu sinal continue fraco, mesmo com todas as dicas acima. Para melhorar a qualidade e aumentar o alcance do seu final, a forma de solucionar este problema é instalar um repetidor de sinal.


Opte primeiramente pelos repetidores de Wi-Fi que se conectam ao roteador através do cabo Ethernet, que reenvia o sinal para os locais mais remotos e de difícil acesso da casa. Eles devem estar sempre ligados aos roteador. Se não for possível,  utilize os dispositivos PLC, que são ligados na rede elétrica convencional.


Se seu problema persistir, cogite instalar mais um aparelho


Se mesmo depois de ter tomado todos os cuidados e prevenções para você ter uma melhor qualidade da sua rede, ainda não for possível ter uma boa qualidade de internet em todos os cômodos da casa, avalie a possibilidade de comprar outro aparelho e fazer mais uma instalação de rede na sua casa. Muitas vezes, em espaços muito amplos, é impossível que o sinal chegue a todos os pontos da casa com a qualidade que ele foi contratado, por isso, o ideal é fazer mais uma instalação e dobrar a qualidade do seu Wi-Fi.