Como contratar a velocidade de Internet ideal


Você sabia que existe diferença na velocidade da internet quando você navega, faz downloads ou uploads? Que a qualidade de navegação muda com a quantidade de pessoas usando a rede? Todos esses fatores impactam em sua experiência online e precisam ser considerados quando está procurando por uma velocidade de internet ideal para sua casa. 

Normalmente as pessoas focam apenas nos números que as operadoras fornecem, seja 5, 10, 20 ou 100 Mega, e escolhem um plano dentro do seu orçamento. Porém, existe outros fatores relevantes e que precisam ser avaliados para se ter uma navegação boa. 

Entenda agora algumas das variáveis que precisam ser consideradas para definir a velocidade de internet ideal para a sua residência e escolher o seu plano. 


Velocidade X Franquia 

A primeira coisa a ser avaliada é se a operadora trabalha com planos de franquia de dados, o que não deve ser confundido com a velocidade de navegação. A franquia de dados é a quantidade de dados disponíveis para consumo dentro de um período de tempo ? normalmente mensal. Já a velocidade indica a rapidez que as informações chegam até o usuário. 


Velocidade de download e upload

Outro ponto que deve ser avaliado ao escolher o plano é a velocidade de download e de upload disponível, ou seja, com qual rapidez podem enviar e receber dados em seu dispositivo. As velocidades de download e upload geralmente não são simétricas, ou seja, possuem velocidades diferentes.

Pessoas que realizam muitos downloads, acessam sites e plataformas pesadas, assistem vídeos em alta definição e se mantêm conectadas com frequência, precisam de uma alta velocidade de download. Já os usuários que trabalham em ambientes corporativos ou precisam transferir arquivos grandes (como vídeos), vão necessitar de uma velocidade mais robusta de upload para não terem problemas em sua navegação. 


Número de pessoas que usam a mesma rede 

Algo que é muitas vezes ignorado mas que precisa ser levado muito em consideração é a quantidade de pessoas que vão usar a internet diariamente. O valor de transmissão é fixo, sendo dividido entre todos os dispositivos conectados à rede. Assim, quando existem muitos aparelhos usando a rede, o tráfego de dados necessário para manter uma navegação de qualidade aumenta e excede o disponível, e isso pode deixar a internet lenta. 


Tipo de consumo de internet 

Da mesma forma que o número de pessoas interfere na velocidade a internet, as diferentes ações feitas em uma rede (como assistir filmes, jogar online e checar e-mails) demandam uma transferência de dados distinta. 

Pessoas que usam a internet de forma mais contínua tendem a precisa de planos que suportam uma maior transferência de dados. É possível separar as pessoas em três perfis de consumo de internet: 

- Usuário básico: pessoas que enviam e recebem e-mails, checam as redes sociais e assistem vídeos no YouTube ? velocidade ideal entre 1 a 10 Mega. 

- Usuário moderado: pessoas que fazem as atividades anteriores, assistem Netflix, baixam filmes online e usam serviços na nuvem como o Google Drive e Dropbox ? velocidade ideal entre 10 a 50 Mega. 

- Heavy user: pessoas que realizam todas as atividades dos perfis anteriores, jogam online, acessam serviços de streaming e possuem muitos dispositivos conectados ? velocidade ideal entre 50 a 300 Mega. 


Desta forma, a melhor maneira de determinar a velocidade ideal de um plano é descobrir o perfil de cada usuário e fazer uma análise. Lembre-se, também, de considerar o número de dispositivos usados. As Smart Tvs e geladeiras inteligentes são exemplos de dispositivos que também precisam entrar na conta. Se você possui uma casa mais digital, vai precisar de um plano maior. 


Fonte: Blog Intnet