Desde o final do ano passado você deve ter visto que o YouTube anda um tanto diferente, né? O site passou por algumas mudanças significativas e agora conta com opções de streaming que prometem fazer concorrência para Netflix e Spotify. Ousado! O YouTube Premium é uma versão paga do serviço de vídeos, que promete conteúdos sem interrupções, além de funcionalidades exclusivas como o download.


A plataforma já estava disponível em outros países do mundo desde 2015, ainda como YouTube Red. O Brasil foi o 22º país a receber o Premium, isso  em setembro de 2018. No entanto, o novo formato ainda é novidade para muitos. Avaliamos o aplicativo, preço e conteúdos da novidade e neste post você vai saber se realmente vale a pena ter uma conta paga no YouTube. Se liga!


YouTube Music Premium


O serviço de música do YouTube inclui um função muito importante: ele não atrapalha a sequência de músicas com anúncios, assim como em todas as outras funcionalidades (vídeos e séries). Além disso, você pode pagar o YouTube Music juntamente com o pacote do Premium ou separadamente, e utilizar apenas o aplicativo para ouvir seus artistas favoritos sem interrupções. Dá para acessar pela versão web ou pelo aplicativo do YouTube Music para celular. O conteúdo é vasto pois a plataforma engloba o que já tinha do Google Music. Ponto negativo: mesmo que você tenha o app do Youtube no celular, é necessário baixar o APP do YouTube Music para ouvir suas canções. Disponível para Android e IOS.


Youtube Music tem grande variedade de músicas e artistas.


YouTube Originals

Conteúdo original de séries e filmes? Quem compra o pacote Premium do YouTube passa a ter acesso às produções audiovisuais exclusivas da plataforma. Os títulos são variados: desde comédias até produções dramáticas. Mas se você conta com isso para comprar o pacote de originais, calma! Até 2020 o YouTube promete liberar geral e deixar os originais como conteúdo gratuito. Só que como nem tudo são flores, o conteúdo será grátis mas com aqueles anúncios chatos que interrompem a produção.